Nossos
Desafios

Nosso desafio é conectar todos os atores do ecossistema de negócios comunitários: quem produz não está conectado com quem comercializa e quem financia. Consequentemente, os negócios comunitários geram menos benefícios econômicos, sociais e ambientais do que poderiam. Além disso, vários outros fatores contribuem para essa fragmentação: há desconexão com os mercados e falta de modelo de negócio, falta de acesso ao crédito e outros oportunidades financeiras.

Ao mesmo tempo, há uma demanda crescente por alimentação saudável e sustentável, com produtos da biodiversidade e extrativismo. Cada vez mais os consumidores vêm demandando produtos e modelos de produção que contribuam para a conservação de florestas e biomas e para a melhoria da qualidade das populações rurais e florestais, e favoreçam a transição para uma economia de baixo carbono.

Nosso diferencial é que olhamos para o (eco)sistema como um todo e buscamos soluções que geram escala para esses negócios comunitários rurais e florestais. Por isso, trabalhamos de forma articulada com foco em três pilares: modelagem de negócios, acesso a mercado e novos mecanismos financeiros adequados à realidade dos negócios comunitários.

teoria da
mudança