Conexsus conclui rodada de oficinas de modelagem no Pará e Rondônia

Voltar para Histórias de Impacto

Cada organização sai das oficinas com um plano de ação e assessoria de ativadores de negócio da Conexsus

A Conexsus iniciou no mês de outubro, com uma rodada de oficinas de modelagem, 3 novos ciclos de desenvolvimento de negócios na região norte. Ao todo, 42 cooperativas e associações produtivas (24 no Pará e 18 em Rondônia) participam das iniciativas.

Entre outubro e novembro, as organizações comunitárias participaram de sete encontros virtuais imersivos de modelagem, onde puderam aprender um pouco mais sobre Mercado e Posicionamento, Canais e Entrega de Valor, Receitas e Valor ao Negócio, Viabilidade e Gestão e Resultados e Impacto.

“São organizações atuantes, que possuem potencial para se desenvolver e participar de forma mais efetiva e justa em suas cadeias, gerando renda e desenvolvimento para as suas comunidades e impacto positivo no bioma amazônico”, afirma Monika Roper, Coordenadora de Desenvolvimento de Negócios Comunitários da Conexsus.

Para Edinete Cordeiro, participante da formação no Baixo Tocantins e uma das diretoras da Cooperativa Agroindustrial e Extrativista das Mulheres do Município de Cametá (COOPMUC), a experiência de participar da iniciativa tem sido muito positiva. “O aprendizado que tivemos sobre planejamento sem dúvida fará toda a diferença na maneira como pensamos o nosso negócio daqui para a frente”, destaca.

Cada organização sai das oficinas de modelagem com um plano de ação construído a partir da ferramenta de planejamento estratégico Canvas, que servirá como um mapa seguro para direcionar o fortalecimento de seus modelos de negócio. E passam a contar com o acompanhamento de ativadores de negócio da Conexsus que, nos próximos seis meses, assessorarão na implantação do planejamento.

“Foram encontros de muita aprendizagem. A ferramenta [Canvas] nos ajudou a entender os clientes com outros olhos. Estamos empolgados para os próximos meses, muitas coisas irão mudar na maneira como atuamos e fazemos nossas parcerias”, reflete Elielson Oypakomip Suruí, participante da formação em Rondônia e secretário geral da Associação do Povo Paiter GARAH ATIN (APAGATIN).

Juntos, os ciclos de desenvolvimento de negócios em Santarém e região (PA), Baixo Tocantins (PA) e Rondônia beneficiarão diretamente mais de 2 mil extrativistas, produtores(as) e artesãos locais, e suas famílias.

Para a realização das iniciativas, a Conexsus conta com o apoio local do Projeto Saúde & Alegria (PSA) e Associação Paraense de Apoio às Comunidades Carentes (APACC/Cametá), no Pará, e da União das Cooperativas de Agricultura Familiar e Economia Solidária (Unicafes) em Rondônia.