Em parceria inédita, Conexsus se torna agente de crédito rural do Banco da Amazônia

Voltar para Histórias de Impacto

Com parceria, mais de 4 mil unidades familiares de produção terão ajuda para acessar os financiamentos rurais do Pronaf no próximo ano

A Conexsus acaba de se tornar agente de crédito rural do Banco da Amazônia. A cooperação irá garantir assistência a associações e cooperativas da sociobiodiversidade no acesso ao crédito público a partir da instituição financeira.

Para Luiz Lourenço de Souza Neto, gerente executivo de pessoas físicas do Banco da Amazônia, “celebrar uma parceria como esta é fundamental para que o BASA consiga executar a sua nobre missão de desenvolver a Amazônia em bases sustentáveis, fazendo com que o crédito chegue de fato às comunidades que tanto necessitam desse recurso”.

A partir de uma rede de ativadores de negócios sustentáveis, acionada pela Conexsus, será possível assegurar que as comunidades tradicionais tenham acesso não apenas aos financiamentos rurais, mas também à orientação técnica e à educação financeira.

“Geralmente, as operações ficam travadas porque existe um descolamento entre os bancos e a realidade dos negócios comunitários. Então o crédito sempre acaba nos mesmos lugares. A nossa ideia é facilitar o acesso a quem precisa e ajudar no crescimento de iniciativas sustentáveis”, afirma João Luiz Guadagnin, coordenador de soluções em crédito rural da Conexsus.

A previsão é que 4.200 unidades familiares de produção acessem o crédito rural do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) já no primeiro ano de atuação. Para isso, mais de 60 agentes de crédito rural irão atuar, ao longo de 12 meses, para repassar R$ 30 milhões em volume de recursos contratados.

“Nosso compromisso é ajudar a democratizar o acesso ao crédito no meio rural. E ficamos muito satisfeitos de encontrar no Banco da Amazônia o mesmo objetivo”, afirma Guadagnin.